Como recorrer multa do Detran

recorrer multa

Se tem uma verdade que é praticamente universal é de que se você tem uma Carteira de Habilitação, inevitavelmente em determinado momento da vida você vai levar pelo menos uma multa.

Afinal de contas, é muito fácil cometer um deslize que vai contra a regulamentação de trânsito e acabar com um prejuízo financeiro que pode ser bastante alto de vez em quando.

Isso porque não é apenas o excesso de velocidade que pode render multas ao motorista, como muita gente pode pensar. Ser pego falando ao celular, transitar em horários de rodízio do seu carro e estacionar em locais proibidos também são apenas alguns dos fatores que podem acabar rendendo alguns pontos a mais na sua carteira.

Porém, o que acontece é que nem sempre as multas aplicadas são justas, como é o caso de pessoas que furam o farol vermelho durante a madrugada por uma questão de segurança e acabam sendo multadas por isso.

Nestes casos, é preciso se dirigir ao Detran e recorrer a multa, para que esta seja tirada do seu nome, de forma que você não vai precisar pagar a multa e nem vai ter os pontos computados em sua carteira de motorista.

O que acontece é que, pelo fato de muitas pessoas simplesmente não saber como recorrer uma multa no Detran, muita gente acaba arcando com as consequências de uma multa injusta, o que é bastante errado.

E é exatamente pensando em tudo isso que nós reunimos aqui uma série de informações que vão mostrar tudo o que você precisa saber para conseguir recorrer as suas multas no Detran. Afinal de contas, este é um direito seu e é importante que você realmente saiba como exercê-lo da maneira correta.

 

 

Onde recorrer multas no Detran

 

Se você recebeu uma multa por uma infração que você não cometeu, é importante que você vá ao Detran para recorrer da mesma de forma a não arcar com as consequências de um ato não cometido por você.

Dessa forma, é importante que você saiba como recorrer de uma multa para não acabar pagando e acumulando pontos sem necessidade.

A primeira coisa que você precisa fazer é verificar qual foi o órgão responsável pela autuação, pois isso nem sempre é feito pelo Detran. Essa informação pode ser encontrada logo no cabeçalho da multa que você recebeu. Caso tenha sido o Detran, o processo para recorrer da sua multa pode ser feito todo pela internet.

Tenha em mente que você tem até 60 dias após a autuação para recorrer da sua multa, caso contrário vai precisar arcar com ela. Feito isso, basta se dirigir ao site do Detran e redigir a sua defesa, explicando porque você está recorrendo da multa, anexando a sua redação todos os documentos listados na página para isso.

Feito isso, basta que você espere a realização da análise da sua defesa, de forma que o Detran vai decidir se é justo ou não você recorrer da multa, de forma que você vai ser informado quando o resultado for divulgado.

 

Comente Abaixo

O seu endereço de e-mail não será publicado.